Vereadores nikkeis são homenageados

20130226aAurélio Nomura destacou a responsabilidade da Câmara Municipal de São Paulo de discutir e rever o Plano Diretor,  que vai estabelecer como vamos tratar e o que queremos para a nossa cidade

Os três vereadores eleitos de São Paulo – Aurélio Nomura, George Hato e Masataka Ota – foram homenageados na noite de segunda-feira, 25, pela Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social (Bunkyo), Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo (Enkyo), Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil (Kenren), Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil e Aliança Cultural Brasil-Japão, com co-promoção de 28 entidades representativas da comunidade nipo-brasileira.

A cerimônia, realizada no Salão Nobre, contou com a presença de cerca de 80 pessoas, além de convidados especiais – os deputados federais Junji Abe, Keiko Ota e Walter Ihoshi; e os deputados estaduais Hélio Nishimoto e Jooji Hato, com destaque para o cônsul-geral do Japão em São Paulo, Noriteru Fukushima.

A ideia era homenagear todos os 59 vereadores e 18 prefeitos eleitos no Estado de São Paulo no último pleito, mas isso não foi possível diante das dificuldades de reuni-los num único dia, em função de suas agendas pessoais. Porém, todos eles receberão o diploma que será entregue pelas entidades nipo-brasileiras de suas respectivas cidades.

“O ideal é que tivéssemos mais nikkeis eleitos. Mas a Câmara Municipal de São Paulo está muito bem representada pelos três vereadores”, disse o presidente do Bunkyo, Kihatiro Kita. “Aurélio Nomura, por exemplo, tem um trabalho conhecido e traz os bons exemplos de seu pai, o deputado federal, Diogo Nomura. O objetivo é intensificar ainda mais os relacionamentos das entidades com os políticos, visando o bem-estar da nossa coletividade”.

 

Falando em seu bom e correto português, o cônsul-geral do Japão, Noriteru Fukushima, manifestou suas congratulações aos três eleitos, referindo-se a Aurélio Nomura, que cumpre seu quinto mandato, como o vereador “que já possui um grande legado nas áreas de bem-estar, cultura e esporte”.

“São Paulo é a terra de muitos políticos nikkeis. E isso se deve ao trabalho dos pioneiros japoneses que aqui chegaram e a quem apresento meus profundos sentimentos pelos esforços e pela dedicação a este País”, destacou o diplomata. “O Brasil, hoje, desperta o interesse mundial, e os políticos descendentes de japoneses podem ser um importante elo com o Japão”, observou o cônsul-geral Fukushima.

Compromisso
Em seu pronunciamento, o vereador Aurélio Nomura agradeceu, inicialmente, a confiança dos eleitores, os colaboradores, amigos e a família, um esforço conjunto que resultou em seu quinto mandato. Em relação aos trabalhos legislativos, o vereador falou dos grandes desafios que se tem pela frente. “Uma pesquisa mostrou que 56% dos paulistanos querem morar fora da cidade. Isso é apenas um dos dados que indicam a responsabilidade dos vereadores em reverter essa situação e proporcionar melhor qualidade de vida à população em todas as áreas (saúde, educação, lazer, moradia, transporte). Não é possível uma pessoa perder três horas por dia para ir trabalhar. A cidade precisa oferecer condições dignas para os munícipes. Por isso, nós vereadores, temos uma grande responsabilidade nesta Legislatura, que é discutir e rever o Plano Diretor. É isso que vai estabelecer como vamos tratar e o que queremos para a nossa cidade. Tenho a certeza que o George, o Ota e eu vamos batalhar para tornar São Paulo mais humana e harmoniosa”, finalizou o vereador Aurélio Nomura, que aproveitou a oportunidade para, mais uma vez, colocar seu gabinete à disposição de todos.

Confira a galeria de fotos.